Realização da Mostra e avanço da COVID-19

Diante do avanço da COVID-19 no Brasil, reforçamos o posicionamento do Ministério da Saúde perante o combate do novo coronavírus. Pedimos que todos/as os/as participantes inscritos/as nas convocatórias de obras audiovisuais e pontos de exibição sigam as recomendações e medidas de prevenção do Ministério, disponíveis no site https://coronavirus.saude.gov.br.

Salientamos a importância do isolamento domiciliar a fim de evitar o crescimento acelerado no ritmo dos casos confirmados. Em vista de que as atividades da Mostra, até então, são realizadas majoritariamente de forma on-line, optamos pela continuidade das inscrições.

Em especial, a convocatória de obras audiovisuais, que exige o envio do DVD por meio físico, salientamos que a produção da 13ª Mostra Cinema e Direitos Humanos é sensível aos diferentes contextos que os/as participantes se encontram. Iremos analisar os casos individualmente e, em caso de impossibilidade de envio da obra audiovisual por meio dos Correios até a data prevista, estudaremos uma forma de obter o arquivo por meio on-line, caso a obra seja selecionada para o evento.

Reforçamos que convocatória de pontos de exibição também permanece disponível para as inscrições das instituições. Contudo, a previsão de realização da Mostra nos meses de maio e junho está em análise junto ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e será atualizada futuramente.

Quaisquer dúvidas, estamos disponíveis em nossas redes sociais (Facebook e Instagram) e por meio dos e-mails disponíveis aqui.

Deixe uma resposta